Automação industrial: 6 benefícios para a indústria de alimentos

Automação industrial

A automação industrial compreende e valoriza a tecnologia como solução importante para o desenvolvimento e crescimento das indústrias. Ao mesmo tempo em que equilibra performance, qualidade e saúde financeira

Ficou curioso? Então, continue a leitura para ver os principais detalhes sobre o assunto, bem como a lista dos principais benefícios da automação industrial na indústria de alimentos.

Vamos lá?

O que é automação industrial?

O que é automação industrial

A automação industrial é um conceito proveniente da Indústria 4.0. Inclusive, é um dos pilares da 4ª Revolução Industrial por estimular a transformação dos processos produtivos através da tecnologia.

Segundo um estudo sobre o assunto, a automação industrial refere-se à manipulação das operações industriais por meios mecânicos e automáticos. Aqui, atividades repetitivas são destinadas a equipamentos inovadores, substituindo o trabalho humano.

Até porque há um certo desafio a respeito da qualidade do trabalho manual. Inúmeros fatores podem atrapalhar o desempenho do profissional, gerando erros, retrabalhos e gastos desnecessários.

É por isso que a automação industrial chega com o intuito de solucionar os grandes gargalos da produção. Além disso, conforme aponta a CNN, a prática visa também:

  • Integrar diferentes setores;
  • Garantir a segurança dos profissionais;
  • Diminuir as chances de falhas na operação;
  • Simplificar processos rotineiros e de manutenções.

Não é por acaso que, ainda conforme o veículo, o mercado de automação continua em evolução. Inclusive, a expectativa é uma valorização de mais de US$350 bilhões até 2024, desse setor.

Na indústria de alimentos, a automação industrial é utilizada para garantir a padronização, higiene e conservação dos produtos finais

Tudo isso ao mesmo tempo que otimiza o controle de qualidade, o rastreamento e os processos de empacotamento, enfardamento e paletização.

Em resumo, a automação industrial consiste em processos apoiados em equipamentos inteligentes, que não só contribuem para a produção como, também, para o gerenciamento das operações.

Logo, ela é responsável por aumentar a competitividade da indústria e por garantir um crescimento previsível.

Listamos 6 principais benefícios da automação para a indústria de alimentos. Veja a seguir a lista e entenda como esses ganhos colaboram para o desempenho do setor.

1. Aumento da produtividade

O aumento da produtividade é um dos maiores benefícios da automação industrial no setor alimentício, assim como nos demais setores. Isso porque ela garante uma produção menos suscetível ao erro

Afinal, os equipamentos se apoiam em tecnologia de ponta, o que colabora com a eficiência dos resultados. 

Isso implica que as atividades serão realizadas com maior rapidez, agilidade e dinamismo. Além de diminuir o tempo de toda a cadeia, desde o projeto, passando pelo processamento, até as entregas dos produtos.

Logo, os equipamentos são programados e aptos a desempenhar diferentes operações, conforme a necessidade de cada indústria. O que, é claro, aumenta ainda mais a eficiência e desempenho.

Como aumentar a produtividade e precisão na indústria de alimentos? Clique e baixe!

2. Melhoria da qualidade

Por consequência, devido à maior eficiência e redução de erros, os produtos terão mais qualidade. Desse modo, com a automação, também será possível garantir maior precisão nos processos

É simples! A produção em larga escala exige uma maior capacidade de consistência no padrão de qualidade. E a automação industrial garante a constância e estabilidade da fabricação.

Mas isso só será possível graças à padronização dos processos e às características de repetibilidade oferecidas pela automação.

Além disso, os equipamentos automatizados criam e coletam dados importantes e em tempo real da produção. O que ajuda a não só garantir uma gestão estratégica, como uma atuação mais inteligente, eficiente e coerente com a realidade da indústria.

3. Redução de custos

A redução de custos também é o resultado dos ganhos citados acima. Afinal, com maior produtividade, há uma elevada qualidade e menor possibilidade de erros durante a produção.

Com isso, não haverá gastos desnecessários causados pelo retrabalho e perda de material. Os custos operacionais serão melhor equilibrados devido à otimização das operações e dos recursos utilizados. Como a energia e mão de obra, por exemplo.

E, por fim, com a alta produtividade, a necessidade de grandes estoques é eliminada, colaborando, inclusive, para o fluxo de trabalho mais eficiente.

4. Maior segurança alimentar

A automação industrial colabora com o controle rigoroso dos processos, minimizando riscos de contaminação e garantindo padrões de higiene

Por exemplo, as empacotadoras automáticas asseguram velocidade e praticidade ao processo. Ao mesmo tempo em que garantem alta precisão na dosagem e padronização de pacotes. O que evita, é claro, desperdícios.

O empacotamento automático reduz consideravelmente o contato humano direto com os alimentos durante o processo, seja na manipulação do produto ou da embalagem. Minimizando assim, riscos de contaminação por eventuais microrganismos que possam estar presentes nos operadores. 

As empacotadoras automáticas da Tecnotok, por exemplo, são fabricadas em aço inox, em todas as partes de contato direto com o alimento. Assim, a solução contribui para a facilidade de limpeza e, consequentemente, a qualidade da higienização.

Um perfeito aliado ao processo de empacotamento é o Gerador de Ozônio, que elimina microrganismos, como bactérias, mofos e fungos, garantindo a segurança alimentar.

Destaca-se que, conforme a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), 77 milhões de pessoas sofrem com doenças transmitidas por alimentos a cada ano, nas Américas. E 600 milhões de pessoas no mundo adoecem devido a ingestão de alimentos inseguros. 

5. Atendimento das demandas do mercado

A rapidez oferecida pela automação industrial colabora com o alcance das demandas atuais do mercado. Com as constantes transformações no consumo de alimentos, é fundamental a agilidade no atendimento quanto às novas necessidades do cliente.

Dessa forma, com equipamentos automatizados, fica mais fácil modificar produtos e acompanhar essas mudanças com eficiência. Sem contar que, os mesmos colaboram com o cumprimento das normas e regulamentações da indústria de alimentos.

6. Redução de acidentes

Por fim, com a automação industrial, os equipamentos passam a realizar as operações que exigem maior atenção e tendem a ser mais perigosas. Isso não só promove alta performance nas atividades mais críticas, como garante a segurança dos trabalhadores.

A possibilidade da incidência de acidentes será menor. E essa é uma realidade que precisa ser, urgentemente, alterada! Afinal, segundo dados apresentados pela Agência Brasil, somente em 2022, os acidentes de trabalho no Brasil somavam mais 612 mil!

Sendo assim, a automação colabora com a produtividade das operações e a saúde financeira da indústria ao garantir a saúde e integridade física dos funcionários.

Como aplicar a automação industrial?

Como aplicar a automação industrial

Como vimos neste texto, a automação industrial traz uma série de benefícios para a indústria de alimentos. Aqui, a produção se torna mais eficiente, segura e de alta qualidade.

Para começar a aplicar esse conceito, basta investir em soluções tecnológicas, eficientes e de alto nível, como as da Tecnotok! Os nossos equipamentos possibilitam a automação da linha de produção de ponta a ponta: desde a dosagem, até a paletização. Promovendo agilidade e eficiência na produção e integração entre as áreas e atividades da fábrica. 

Já são mais de 2 décadas de experiência no desenvolvimento de projetos customizados capazes de atender às necessidades específicas de cada cliente.

Todos os nossos equipamentos atendem aos requisitos do mercado mundial e as exigências de segurança, conforme as principais normas regulamentadoras.

Não é por acaso que as soluções Tecnotok estão presentes em 40 países! Baixe agora o nosso catálogo e conheça mais sobre as nossas soluções!

Soluções Tecnotok Robotics: tecnologia própria de ponta a ponta. Clique e conheça!

Compartilhar:

Assine a Newsletter

Ao informar seus dados, você aceita receber comunicações.

Manutenção preventiva: como ela aumenta a produtividade?

Qual indústria não gostaria de prevenir falhas de máquinas e equipamentos, certo? A manutenção preventiva surgiu após a Segunda Guerra Mundial, com o intuito de

Automação industrial: 6 benefícios para a indústria de alimentos

A automação industrial compreende e valoriza a tecnologia como solução importante para o desenvolvimento e crescimento das indústrias. Ao mesmo tempo em que equilibra performance,

Oxi-sanitização: conheça o gerador de ozônio

A aplicação da oxi-sanitização vai muito além das já conhecidas, como as no setor automotivo e no tratamento de água. A eficiência da prática permite